Homenagem

15 DE JULHO DE 2021

Marcão, um apaixonado pelas letras, personagens e pelo cotidiano social

Marcão foi mais uma vítima da Covid-19. Ele estava internado desde a semana passada para tratar de um problema decorrente da diabetes.

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Um homem apaixonado pelas palavras, personagem e pela vida.

Assim, pode-se descrever o jornalista, cronista, historiador, escritor, professor universitário e psicólogo, Marcus Vinícius Batista, falecido ontem (14), aos 46 anos.

No esporte, era um goleiro que todos os times gostariam de ter.

Assim, nas universidades, lecionou os cursos de Jornalismo, Publicidade, Psicologia e História.

Em várias instituições, como a Unisanta, São Judas e Unisantos, onde trabalhava atualmente.

Marcão, como era conhecido, foi mais uma vítima da Covid-19.

Ele estava internado desde a semana passada no hospital São Lucas, em Santos (SP).

Ele  tinha comorbidades, como o diabetes, e isso agravou seu quadro de saúde.

Por sua vez, Marcão já havia recebido a primeira dose do imunizante contra o coronavírus.

Ou seja, isso ocorreu há mais de um mês.

Não bastasse, o jornalista participou há exatamente três semanas do programa Jornal Enfoque – Manhã de Notícias.

Na ocasião, abordou os mais variados assuntos.

E relembrou sua produção literária.

E, como psicólogo, o comportamento das pessoas na pandemia.

Confira o vídeo

A carreira

Marcus Vinícius Batista foi um dos principais nomes do jornalismo na região.

Dessa forma, seu olhar acurado e atento aos fatos do cotidiano mostravam aos jovens colegas de profissão a necessidade do aprofundamento das pautas.

Além disso, assuntos do cotidiano.

No entanto,  sem deixar de lado as histórias, marca registrada em seus textos.

Além disso, trabalhou em emissoras de TV e rádio, como editor de texto.

Assim, como cronista, Marcão começou escrevendo no Jornal Boqnews por mais de uma década.

Como colaborador durante 15 anos.

Ao todo, foram mais de 1000 textos publicados ao longo destes anos no blog Conversas e Distrações.

Além disso, o volume expressivo de acessos no site – são mais de 315 mil – até o momento reforçam a qualidade e o público fiel que o acompanhava.

Dessa forma, ele escrevia, quinzenalmente, na última página do AT Revista, de A Tribuna.

Marcão não parava, ele tinha um plano para criar um programa cultural na Boqnews TV.

Universidade

Foi na vida acadêmica como professor que Marcão deixou um de seus maiores legados.

Ele ministrou aulas no curso de comunicação social (Jornalismo e Publicidade).

Tanto na Universidade Santa Cecília (Unisanta) como na Universidade Católica de Santos (UniSantos).

Lá, ganhou a admiração de todos os alunos pela sua inteligência, comportamento e conhecimento.

Depois, fez os cursos de História e Psicologia, profissão que abraçou mais recentemente.

Marcus Vinícius Batista tinha uma editora, o Ateliê de Palavras.

Além disso, publicou 5 livros, como O Lobo, o Urso e a Cura.

Dessa forma,  escrito em parceria com sua companheira e sócia, a também jornalista Beth Soares.

Além disso, editou diversos livros de outros escritores.

Assim, com a notícia de sua morte, alunos e colegas prestaram homenagens ao jornalista nas redes sociais.

Seu corpo será cremado no Memorial Necrópole Ecumênica, em Santos, em solenidade restrita à família.

Marcão deixou um casal de filhos, de 18 e 11 anos.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.