nacional

São Paulo tem inflação estável após queda dos alimentos

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) na capital paulista, ficou em…

17 de agosto de 2010 - 11:15

Da Redação

Compartilhe

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) na capital paulista, ficou em 0,20% na segunda prévia deste mês, a mesma taxa registrada na apuração anterior. Essa estabilidade no ritmo de alta é resultado da queda média de preços dos itens alimentícios, que apresentaram índice de -0,53%, ante -0,46%, na décima redução seguida, o que ajudou a amenizar os aumentos verificados nos demais grupos.

Em vestuário foi interrompida a sequência de quatro quedas, com elevação de 0,11% ante -0,04%. O grupo transporte voltou a apresentar aumento da taxa, de 0,41% para 0,58%. Os demais grupos, embora tenham apresentado variações positivas, tiveram índices inferiores aos da medição passada.

No grupo habitação, a taxa passou de 0,36% para 0,35%; em despesas pessoais, de 0,65% para 0,57%; em saúde, de 0,58% para 0,55%; e em educação, de 0,15% para 0,03%.

LEIA TAMBÉM: