Professores da Unicamp analisam impactos das geobags no mar de Santos | Boqnews
Foto: Divulgação

Jornal Enfoque - Manhã de Notícias

11 DE AGOSTO DE 2022

Professores da Unicamp analisam impactos das geobags no mar de Santos

Os engenheiros e professores da Unicamp Patrícia Dalsoglio Garcia e Tiago Zenker Gireli falarão sobre a relevância das geobags

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Uma forte ressaca em 2016 afetou diretamente a Ponta da Praia derrubando muretas, alagando garagens e provocando prejuízos a dezenas de moradores.

E com as mudanças climáticas, com ressacas cada vez mais frequentes, havia a necessidade de algo ser feito para que aquelas imagens de filme de guerra não se repetissem no local.

Assim, uma alternativa viáve pode ser colocada em prática em 2018.

Unindo Ciência e realidade, com dose de colaboração coletiva.

E recursos  destinados pelo Ministério Público em torno de R$ 3 milhões, fruto do pagamento de uma multa ambiental ocorrido anos antes.

Assim, uma barreira submersa com 49 bags (saco geotêxtil)  colocada em formato de L tem dado conta do recado.

Afinal, até a última ressaca, decorrente dos fortes ventos que atingem a região (em Santos, ocorreram picos de ventania que ultrapassaram 100 km//h, segundo a Praticagem), amenizaram os impactos das ondas.

E as cenas de 2016 não mais se repetiram até o momento.

O motivo decorre da estrutura perpendicular à praia, de 275 metros e instalada a partir da mureta na altura da Rua Afonso Celso de Paula Lima.

Ela tem a função de diminuir a energia das ondas.

Já a estrutura paralela à praia, de 240 metros de extensão, tem o objetivo de ajudar a armazenar areia.

Diante do resultado positivo, Santos tem sido procurada por outras cidades brasileiras que querem conhecer os resultados.

Programa

Para falar sobre esta técnica e analisar o papel das geobags colocadas no mar de Santos, o Jornal Enfoque – Manhã de Notícias trará dois professores da Unicamp – Universidade de Campinas, nesta sexta (12).

Eles participaram ativamente dos estudos para implantação dos equipamentos.

Assim, os pesquisadores e engenheiros Patrícia Dalsoglio Garcia e Tiago Zenker Gireli participam do programa.

Eles falarão sobre o tema, ainda mais atual em razão da situação climática dos últimos dias que atingem a Baixada Santista.

Isso em razão dos fortes ventos decorrentes de um ciclone extratropical formado no Sul.

Para assistir ou enviar perguntas, basta acompanhar o programa, ao vivo, a partir das 9h30, nas seguintes redes sociais.

No Facebook, Twitter, rádio Boqnews, e no site boqnews.com

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.