Covid-19

Com novo hospital funcionando, taxa de ocupação cai para 48%

Dos 420 internados, a maioria reside em outras cidades: 220 (52,4%). Os 200 munícipes de Santos internados correspondem a 47,6%

28 de maio de 2020 - 22:04

Da Redação

Compartilhe

O número de pacientes internados com sintomas da covid-19, na rede hospitalar de Santos, apresentou redução de 2,5%, nas últimas 24 horas. Na quarta-feira (27), eram 431 nos hospitais públicos e privados e, nesta quinta (28), são 420.

A taxa de ocupação dos 874 leitos disponíveis está em 48%.

Isso graças ao início do funcionamento dos 130 leitos do Hospital Vitória, na Vila Belmiro, cedido pelo grupo United Health (Amil) até o final do ano.

Deste total de internados, a maioria reside em outras cidades: 220 (52,4%).

Os 200 munícipes de Santos internados correspondem a 47,6%.

 

UTIs

Também houve redução no total de internados nos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), de 177 para 172 pacientes (-2,8%).

Dentre os internados, 98 são moradores de outras cidades (57%) e 74 de Santos (43%). A taxa de ocupação dos 241 leitos de UTI adulto está em 71%.

Na rede privada, a taxa é de 86% e, no SUS, de 56%.

Novos casos

A Seção de Vigilância Epidemiológica (Seviep) recebeu, nesta quinta (28), 90 notificações de resultados positivos entre munícipes de Santos, passando o total de casos de 3.170 para 3.260.

A alta foi de 2,8% nas últimas 24 horas.

Entre as novas confirmações, três são de munícipes que faleceram entre os dias 7 e 24 de maio: uma mulher, de 100 anos, e dois homens, de 71 e 74 anos.

Agora, a Cidade contabiliza 140 óbitos pelo novo coronavírus.

Desde o dia 1º de abril, quando foi registrado o primeiro óbito pelo Covid-19, a média diária é chega a 2,4.

Na semana passada, o índice chegava a 1,7/dia.

Além disso, a Seviep investiga outros 21 óbitos suspeitos.

Mais informações na plataforma: www.santos.sp.gov.br/saude/dadoscoronavirus.

 

Resumo

 

Casos confirmados: 3.260

Suspeitos: 416

Internações: 200 (74 em UTI)

Recuperados: 2.488 (336 hospitalares)

Óbitos (confirmados): 140 (21 em investigação)

Testes rápidos: 17.654

Testes PCR: 5.615

LEIA TAMBÉM: