Futebol

Marta se torna a maior goleadora de todas as Copas do Mundo

A atacante brasileira superou o alemão Klose em número de gols

19 de junho de 2019 - 16:07

Aécio Amado

Agência Brasil

Compartilhe

A vitória do Brasil contra a Itália ficará para sempre na memória dos brasileiros pelo recorde individual da jogadora Marta.

O gol transformou a atacante brasileira na maior goleadora na história das Copas do Mundo. Dessa forma, superando o atacante Miroslav Klose, da seleção alemã.

Marta tem agora 17 gols contra 16 do alemão.

A seleção brasileira feminina com a vitória sobre a Itália por 1 a 0 está na próxima fase da Copa do Mundo na França.

O gol brasileiro foi marcado pela atacante Marta em uma cobrança de pênalti sofrido por Debinha, aos 28 minutos do segundo tempo.

A melhor jogadora do futebol mundial, eleita pela Federação Internacional de Futebol (Fifa), deixou o gramado do estádio de Valenciennes, antes do fim da partida, substituída por Luana.

Ao chegar ao banco de reservas, Marta foi abraçada pelas companheiras e por integrantes da comissão técnica.

Do banco, a camisa 10 incentivava as colegas em campo até que a árbitra encerrasse a partida, com a vitória das brasileiras.

Em entrevista ainda no gramado, Marta dedicava o recorde de maior goleadora de mundiais às mulheres.

“Eu dedico isso às mulheres. A gente representa todas elas”, disse.

Ao analisar a partida contra as italianas, a atacante afirmou que foi um jogo duríssimo e que agora é pensar no próximo adversário.

“Sabemos que será uma pedreira. Mas não temos como escolher adversário”.

 

Relembre os 17 gols de Marta em Copas do Mundo

– 2003: um contra a Coreia do Sul (3 -0), um contra a Noruega (4-1) e um contra a Suécia (1-2)
– 2007: dois gols contra a Nova Zelândia (5-0), dois contra a China (4 -0), um contra a Austrália nas oitavas (3-2). Além de dois contra os Estados Unidos na semifinal (4-0)
– 2011: dois contra a Noruega (3-0), dois contra os Estados Unidos nas quartas de final (2-2)
– 2015: um gol contra a Coreia do Sul (2 -0)
– 2019: um gol contra a Austrália (2-3) e um gol contra a Itália (1-0)

*Com informações da CBF

LEIA TAMBÉM: